Pesquisa afirma que pessoas que se consideram bissexuais possuem saúde mais frágil do que heterossexuais e homossexuais!

5De acordo com um polêmico estudo publicado pela Universidade de Rice, no Texas, as pessoas que se consideram bissexuais possuem saúde mais frágil do que heterossexuais e homossexuais. Contudo, nada foi comprovado cientificamente até o momento, pois são somente hipóteses que sugerem esse quadro com base em entrevistas de centenas de pessoas, porém é um estudo, no mínimo, interessante.

O que é especialmente interessante é o fato de os próprios bissexuais classificarem os seus níveis de saúde e de bem-estar como inferiores ao das pessoas de demais sexualidades. As razões para isso não são claras, porém apresentam um comportamento que tem potencial para melhor estudado e entendido. Para fazer o estudo, os pesquisadores pediram para que 10 mil pessoas que pertencem às minorias (bissexuais, gays e lésbicas) classificassem os seus níveis de saúde e que outros 405 mil heterossexuais também respondem às questões.

De acordo com Bridget Gorman (o principal autor do estudo), as pesquisas sobre a saúde da população das minorias normalmente é insuficiente, já que em muitos casos não se faz distinção entre os diferentes tipos de minorias sexuais. Outras questões também foram analisadas nos questionários, como status socioeconômico, grau de educação, salário e empregabilidade dessas pessoas – fatores que podem influenciar na saúde de um indivíduo.

O resultado revelou que 19,5% dos homens bissexuais e 18,5% das mulheres bissexuais acham que a saúde deles está em um nível ruim ou mediano – a maior proporção entre todos os grupos. Em contraste, somente 11,9% dos homens gays e 10,6% das mulheres lésbicas se identificaram com esse grau baixo (a menor proporção do estudo). Já os heterossexuais ficaram no meio, 14,5% dos homens e 15,6% das mulheres se classificaram desse modo.

E não é só isso…

Outros dados também mostraram que os bissexuais possuem mais diferenças nítidas em relação aos outros grupos, pois somente 26% dos homens e 32% das mulheres se graduaram na universidade. Nos gays, esse número é de 57% e nos heterossexuais é de 38%. Além disso, foi constatado que os bissexuais fumam mais do que homos e héteros. Como se essas características não fossem suficientes, os pesquisadores perceberam que, dos três grupos, os bissexuais são os que têm o menor salário.

Mas o que esses dados realmente querem dizer? É complicado afirmar com 100% de certeza. De acordo com o coautor Justin Denney, se os bissexuais são a minoria dentro da minoria eles podem experimentar mais formas de discriminação, que, consequentemente, podem afetar outros campos, como saúde, grau de educação e predisposição ao tabaco – aspectos que influenciam o bem-estar.

Seja como for, o estudo da Universidade de Rice foi publicado na Revista Geography e traz questionamentos que são dignos de discussão – e que provavelmente serão analisados por um bom tempo.




VEJA MAIS SOBRE Notícias


Agora é possível pagar suas compras com uma selfie. Vem saber!

Happy asian woman taking a selfie

Já pensou escolher um produto e confirmar o pagamento no cartão de crédito tirando uma selfie ou pela impressão digital? Esta é a proposta do Identity Check Mobile, solução de pagamento que a MasterCard acaba de lançar. A solução permite que o consumidor faça compras por meio de qualquer aparelho conectado com pagamento via biometria […]

Leia mais

Outlet em São Paulo. Confira a lista e arrase nas compras!

outlet-em-sao-paulo

Para facilitar sua vida, o Blog Michel Telles apresenta uma relação de outlets de São Paulo. Boas compras! Adidas A loja da Adidas Outlet, localizada na Avenida Ibirapuera, 2335, possui peças das coleções antigas e atuais por preços mais baratos do que os encontrados nas lojas de shopping. Avenida Ibirapuera, 2335 Telefone: (11) 3587-9515 Bobstore […]

Leia mais

Estudo afirma que vegetarianos são melhores na cama!

4

Sempre rolou um comentário que os vegetarianos tem uma vida sexual melhor. Para tirar essa dúvida foram realizados vários estudos na Universidade de Berkeley, que provou que o consumo de alimentos de origem vegetal pode influenciar os níveis de hormonais e aumentar a atividade sexual. E, independentemente do seu físico, quem decide prescindir do consumo […]

Leia mais

Aplicativo ajuda pacientes a controlar sintomas de esclerose múltipla!

symtrac-header2-1500x799

Hoje é o Dia Nacional da Pessoa com Esclerose Múltipla. No embalo, a Novartis  lançou um aplicativo inovador que permite às pessoas que convivem compartilhar o quadro clínico. O download da SymTrac é gratuito e está disponível em Google play e Apple store. Diretora geral da Novartis Portugal, Cristina Campos acredita que a iniciativa reforça […]

Leia mais

5 dicas incríveis para criar um clima natalino de forma inusitada!

4

Quem ama decorar a casa no natal vai amar essas 5 dicas incríveis para criar um clima natalino de forma inusitada! 1 – Portas e paredes – É possível criar figuras com folhas de cartolina colorida que imitem árvores de natal, bonecos de neve e estrelas cadentes. Desenhe o modelo, recorte e depois é só […]

Leia mais

FAÇA ESTE BLOG SER AINDA MELHOR, ESCREVA O SEU COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *