Lojas Virtuais driblam a crise do Brasil!

indexO crescimento do e-commerce no Brasil ao longo dos últimos anos foi sensacional e mesmo em tempos difíceis o setor não para de crescer. O brasileiro está comprando muito mais pela internet e esse movimento cresce a cada ano.

O medo vai desaparecendo e até pessoas mais velhas estão aderindo, mesmo com alguma resistência, o processo simplificado da operação e a comodidade vai ganhando espaço no coração do público brasileiro.

Promover a marca na internet e nas redes sociais hoje é vital para todos as lojas e marcas, por isso é de suma importância estar atento as tendências e a esse crescimento, visto que alguns empresários estão amargando prejuízos por não se dedicarem ainda a loja virtual, pois tudo indica que esse movimento está só começando, comparando com outros mercados como dos EUA que vendem anualmente de dez a quinze vezes mais que o mercado brasileiro.

Diante deste mercado favorável, o CEO Alex Villaverde da Agência ISSO É.com relacionou algumas dicas de como investir nas lojas virtuais e ter o máximo de retorno com publicidade na internet.

Mudar a forma de pensar
Temos que ter mente, que uma loja virtual precisa da mesma atenção da loja física. Com este pensamento tenho certeza que o resultado será positivo, pois ao invés de você ter um mercado limitado geograficamente, você terá um mercado ilimitado de pessoas e regiões.

Investimento faz parte do produto
Entrar no mercado digital é aparecer para mais pessoas e consolidar a marca na internet, mas para isso precisa ser realizado um planejamento de comunicação e um orçamento de investimento em publicidade, a loja virtual no meio da internet é apenas mais uma, podemos pensar que é uma loja física no meio do deserto, ninguém conhece e consequentemente, não haverá vendas.

Necessidade com oferta
Ter um bom produto nas mãos não é garantia de venda, ou seja não basta achar que tem um bom produto, antes é preciso saber se este produto resolve o problema de alguém. Estamos em um mercado competitivo e cada vez exigente, por isso fazer uma pesquisa de aceitação do produto, pode ser um bom caminho para iniciar, as redes sociais podem ajudar neste sentido. Não pense que o seu produto é bom, pergunte a outras pessoas se elas usariam e a partir deste ponto, monte seu plano de negócios.

Enquanto o varejo enfrenta os desafios impostos pelo atual cenário econômico, o e-commerce brasileiro continua em plena expansão, aposte na ideia, mas faça tudo com consciência empreendedora, a loja virtual não é apenas um site de vendas e sim um ativo que precisa ser cuidado e gerenciado.




VEJA MAIS SOBRE Economia


Ex-cortadora de cana ensina em 5 passos como faturar o primeiro milhão em 2017!

4

A cada ano que passa o e-commerce ganha mais relevância e autonomia no cenário brasileiro. E claro que com isso o número de empreendedores aumenta, pois o comércio eletrônico oferece a comodidade e facilidade que nenhuma loja física ainda consegue oferecer. Nasce todos os dias pelo menos um e-commerce, independente do setor de atuação.  Apesar […]

Leia mais

5 dicas para o seu décimo terceiro salário render!

1

Com o fim do ano chegando, muitas pessoas não veem a hora de receber o tão aguardado décimo terceiro salário e ter dinheiro extra para as compras de Natal, viagens, pagar contas atrasadas ou até realizar um investimento. Mas, qual é a melhor estratégia para planejar o orçamento financeiro nessa época do ano? Para sanar […]

Leia mais

Regulamentação da gorjeta em bares, restaurantes, hotéis e motéis é aprovada!

_e5b6286

Quem é mão fechada não vai gostar nenhum um pouco dessa notícia. A Comissão de Assuntos Sociais do Senado aprovou hoje (30) projeto de lei que regulamenta a gorjeta, valor pago por clientes a garçons, camareiros e outros profissionais em bares, restaurantes, hotéis, motéis e estabelecimentos similares. Pelo projeto aprovado, a gorjeta não se restringe […]

Leia mais

Mais da metade das famílias brasileiras estão endividadas!

cartoes-de-credito-blog-michel-telles

  Socorro meu pai. Pasmem: mais da metade das famílias brasileiras — 57,3% — estão endividadas. É o que aponta a pesquisa de novembro da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC). Onde vamos parar, hein?. Desde julho de 2012, o país não chegava a esse patamar. E quem é o grande […]

Leia mais

Abílio Diniz dispara: Previsões para o desempenho da economia brasileira são muito ruins!

3

O poderoso empresário Abílio Diniz afirmou nesta segunda-feira, 21, durante a 45ª reunião do Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social, o Conselhão, que as previsões para o desempenho da economia brasileira são muito ruins e que não imagina que o País crescerá em 2017. “A previsão é muito ruim. Não podemos imaginar que vamos chegar […]

Leia mais

FAÇA ESTE BLOG SER AINDA MELHOR, ESCREVA O SEU COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *