Homofobia pode estar ligada a desejos reprimidos!

2No ano de 2013, no Brasil, foram assassinados 313 membros da comunidade LGBT, segundo pesquisa do Grupo Gay Bahia (GGB), ou seja, um assassinato há cada 28 horas. Se compararmos nossos números com os do Chile, que teve apenas quatro assassinatos de transexuais, travestis, lésbicas, bissexuais ou gays no mesmo período, podemos perceber que crimes ligados à homofobia acontecem 80 vezes mais no Brasil que no país vizinho.

Crimes realizados por razões homofóbicas são feitos por pessoas que sentem antipatia, desprezo, preconceito, aversão e, até mesmo, medo, por homossexuais, bissexuais, travestis e transgêneros. Ao longo dos anos, a mídia brasileira expôs muitos casos de agressões físicas e verbais cometidas por pessoas que possuem a percepção de que a orientação não heterossexual é negativa e “errada”.

Segundo pesquisa de cunho psicológico, a homofobia pode estar ligada a um sentimento reprimido que o agressor possui. Por exemplo, homens que foram criados em lares machistas, opressores e homofóbicos possui grandes chances de se descobrirem homossexuais, com o passar do tempo. Em um estudo, em que os pesquisadores analisaram as diferenças entre o que as pessoas dizem sobre sua orientação sexual e sua orientação verdadeira (baseando-se em reações que os pacientes apresentaram), foi possível perceber duas coisas. A primeira é que os participantes que possuíam pais mais abertos e compreensivos estavam mais em contato com sua orientação verdadeira, seja o indivíduo hetero ou homeafetivo. A segunda constatação foi a de que os filhos de pais conservadores apresentavam desejos homossexuais, porém escondiam isso, e, muitos, possuíam tendência a um comportamento homofóbico.

Segundo o psicólogo João Alexandre Borba, quem agride o próximo por ter convicções diferentes das suas, é porque não tem maturidade para sustentar suas próprias convicções. Ou seja, muitas vezes, ao agredir o outro por ele ser diferente de si, é provável que você seja mais parecido com ele do que pensa.

Borba afirma que teve um paciente com um caso evidente de repressão de sentimentos. “Ele agredia homens que mostravam afeição por outros rapazes, e sempre demonstrava muita raiva ao falar sobre isso. Após algum tempo, eu sugeri que essas reações eram uma negação de seus desejos; ele se ofendeu e demorou um mês para voltar a se consultar comigo”, conta o psicólogo.

Um mês depois do ocorrido, entretanto, o paciente retornou ao consultório, para dizer que havia “ficado” com um amigo, e não sabia o que fazer com isso. “Hoje, anos depois, eles namoram. Meu paciente está feliz e parou de agredir a si mesmo e aos outros homens”, explica o profissional.

O especialista afirma que a partir do momento em que as pessoas passam a se aceitarem verdadeiramente, a violência acaba e o respeito e a compreensão ao próximo passam a tomar lugar da antiga raiva contida, afinal, só podemos oferecer respeito quando antes o auto respeito acontece.

Serviço: João Alexandre Borba

Master Coach Trainer e Psicólogo




VEJA MAIS SOBRE Notícias


20 ideias de decoração para o almoço do Dia das Mães!

O Dia das Mães é um momento muito especial de união familiar, e que deve ser celebrado com muita alegria e comemoração, pois a mãe é um dos pilares de toda família, e merece ser tratada como a rainha do lar neste dia tão especial. E para ajudar você nesta tarefa de decorar a mesa […]

Leia mais

8 mitos e verdades sobre o limão!

O limão é um dos queridinhos da alimentação saudável. Na medicina ayurvédica, é recomendado tomar um copo de suco de limão com água morna de manhã, em jejum, para desintoxicar o organismo. Durante o dia, ele funciona como uma excelente fonte de vitamina C e alivia a retenção de líquidos, ajudando na perda de peso. […]

Leia mais

Anderson Silva lutará no Rio de Janeiro em junho!

Anderson Silva anunciou via Twitter que voltará a lutar no Brasil. De acordo com ele, o combate será realizado no dia 3 de junho no Rio de Janeiro. O adversário será o norte-americano Kelvin Gastelum, que no último dia 11 nocauteou Vitor Belfort no UFC de Fortaleza. Em sua última aparição no octógono, em fevereiro, […]

Leia mais

Descoberta a droga que diminui o colesterol ruim e ainda evita infarto e AVC!

Aprovado desde o mês de abril do ano passado, o remédio evolocumabe, do laboratório Amgen, figura como uma das maiores novidades da medicina dos últimos tempos. Também pudera: as pesquisas mostraram uma redução de até 60% no valor do LDL, o colesterol ruim, após o início do tratamento. Tanto é que ele já entra como […]

Leia mais

Anvisa interdita marca de alimento para bebês!

Que bafãoooooo. A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) proibiu a fabricação, comercialização e divulgação, em todo o território nacional, de todos os lotes dos produtos Papá no Prato. Os alimentos da marca são comercializados pela internet por fabricante desconhecido e nenhum deles possuíam registro na agência. O registro sanitário de alimentos de transição para […]

Leia mais

FAÇA ESTE BLOG SER AINDA MELHOR, ESCREVA O SEU COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *