Esse culto à ereção pode levar homens a sentir na pele as complicações do excesso. Vem saber!

4

 

Desde sempre a ereção foi o maior indicador de virilidade masculina. Qualquer instabilidade nessa verticalização era considerada ameaçava não só para a honra, mas também ao desenvolvimento pessoal e sexual, como um fantasma assombrando homens independentemente da idade, classe social ou status econômico. A popularização de medicamentos que combatem a disfunção erétil conferiu mais segurança e autonomia ao cromossomo Y, no entanto, levou muitos homens sem qualquer diagnóstico indicado, a automedicação em busca de “garantias extras”.

Esse culto à ereção pode levar homens a sentir na pele as complicações do excesso. Estudos apontam que o uso contínuo de fármacos para disfunção erétil como papaverina e alprostadil pode desenvolver o priapismo, condição médica caracterizada por ereção prolongada, de três a seis hora, com ou sem dor, podendo levar a intervenções cirúrgicas e até a impotência sexual definitiva.

Uma das maiores autoridades no assunto, o doutor em urologia, Paulo Egydio falou com exclusividade sobre priapismo.

Ereção prolongada e contínua é sinal para procurar um pronto socorro ou urologista, não espere sentir dor. Pois em alguns casos o paciente não sente, apenas percebem que há algo estranho, mas geralmente não procuram ajuda. São dois tipos de priapismo, o de baixo fluxo e o de alto fluxo. O mais comum é o de baixo fluxo onde o sangue enche o corpo cavernoso, mantém ereção e não há renovação, levando a falta de oxigênio e morte celular. Isso ocasiona fibrose (cicatriz) no interior do pênis. Nesse caso é preciso remover esse sangue por punção. Se não tratado pode levar a impotência. Nesse caso, é necessário um implante de prótese peniana, porém não é um implante comum. A fibrose exige técnicas especificas e um profissional experiente”, explica Egydio.

A grande diferença estará na consistência do pênis que nessa condição, não é de tanta rigidez, parecendo mais um estado parcial de ereção, sem causar dor e muitas vezes sem prejudicar o ato sexual, isso porque – no caso do baixo fluxo – o sangue chega em grande volume e de forma rápida ao pênis, enquanto o escoamento é lento, gerando assim o estado de ereção prolongada.

Membro da Sociedade Brasileira de Urologia, da Associação Europeia de Urologia e da Sociedade Internacional de Medicina Masculina, Dr. Paulo Egydio destaca que o diagnóstico está associado a fatores de predisposição como o sangue mais grosso associado ao uso de medicamentos como antidepressivos e os citados no início da reportagem e, consumo de álcool e drogas como a cocaína.

“Não é raro nas pessoas que possuem histórico de anemia falciforme na família, essas tem grande predisposição para o surgimento do prispismo, isso porque a estrutura das células, mais rígidas, dificultam a circulação sanguinea no pênis”, comenta.




VEJA MAIS SOBRE Notícias


20 ideias de decoração para o almoço do Dia das Mães!

O Dia das Mães é um momento muito especial de união familiar, e que deve ser celebrado com muita alegria e comemoração, pois a mãe é um dos pilares de toda família, e merece ser tratada como a rainha do lar neste dia tão especial. E para ajudar você nesta tarefa de decorar a mesa […]

Leia mais

8 mitos e verdades sobre o limão!

O limão é um dos queridinhos da alimentação saudável. Na medicina ayurvédica, é recomendado tomar um copo de suco de limão com água morna de manhã, em jejum, para desintoxicar o organismo. Durante o dia, ele funciona como uma excelente fonte de vitamina C e alivia a retenção de líquidos, ajudando na perda de peso. […]

Leia mais

Anderson Silva lutará no Rio de Janeiro em junho!

Anderson Silva anunciou via Twitter que voltará a lutar no Brasil. De acordo com ele, o combate será realizado no dia 3 de junho no Rio de Janeiro. O adversário será o norte-americano Kelvin Gastelum, que no último dia 11 nocauteou Vitor Belfort no UFC de Fortaleza. Em sua última aparição no octógono, em fevereiro, […]

Leia mais

Descoberta a droga que diminui o colesterol ruim e ainda evita infarto e AVC!

Aprovado desde o mês de abril do ano passado, o remédio evolocumabe, do laboratório Amgen, figura como uma das maiores novidades da medicina dos últimos tempos. Também pudera: as pesquisas mostraram uma redução de até 60% no valor do LDL, o colesterol ruim, após o início do tratamento. Tanto é que ele já entra como […]

Leia mais

Anvisa interdita marca de alimento para bebês!

Que bafãoooooo. A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) proibiu a fabricação, comercialização e divulgação, em todo o território nacional, de todos os lotes dos produtos Papá no Prato. Os alimentos da marca são comercializados pela internet por fabricante desconhecido e nenhum deles possuíam registro na agência. O registro sanitário de alimentos de transição para […]

Leia mais

FAÇA ESTE BLOG SER AINDA MELHOR, ESCREVA O SEU COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *