Empresários vão discutir sobre o sistema global de classificação dos produtos químicos…

1Em função da grande quantidade e tipos diferentes de produtos químicos, é inviável para cada país identificar e regular detalhadamente o risco de cada um. Por exemplo, nos Estados Unidos, a estimativa é que existam 650.000 desses produtos. Além disso, a classificação isolada de cada país resulta em entraves para o comércio internacional do setor e a necessidade de cumprir múltiplos regulamentos referentes à classificação e rotulagem é onerosa, ainda mais no caso da pequena e média empresa.

Diante deste cenário, foi criado o GHS – Sistema Harmonizado Globalmente para a Classificação e Rotulagem de Produtos Químicos, que contempla critérios mundiais para a classificação dos produtos. Este tema será discutido pelos empresários das indústrias químicas e petroquímicas do estado de São Paulo, no próximo dia 27 de março, com a presença do professor Fabriciano Pinheiro, diretor Técnico da Intertox. Biomédico pela IB-UNESP/Botucatu e Mestre em Toxicologia e Análises Toxicológicas pela FCF/USP, Pinheiro também é o coordenador do curso de pós-graduação Ciências Toxicológicas e professor de Toxicologia das Faculdades Oswaldo Cruz/SP e da Comissão de Estudos (CE-10:101.05) do Comitê Brasileiro de Química (CB-10/ABNT).

“A gestão segura de produtos químicos inclui a comunicação de seus perigos a todos aqueles potencialmente expostos, desde trabalhadores que atuam nos processos de fabricação, até aqueles que os utilizam cotidianamente nas mais diversas atividades”, afirma o Fabriciano Pinheiro. Ele explica que a importância de se conhecer os produtos químicos perigosos utilizados e a necessidade de transmitir suas informações quanto à segurança, à saúde humana e ao meio ambiente resultou na elaboração de legislações e normas, dentre elas a Portaria n◦ 229 de 24/05/2011 do MTE (Ministério do Trabalho e Emprego), que alterou a NR26, e a NBR 14725 da Associação Brasileira de Normas Técnicas-ABNT. Essas normativas também serão discutidas no evento.

Segundo Nelson Reis (foto), presidente do Sindicato das Indústrias de Produtos Químicos para Fins Industriais e da Petroquímica no Estado de São Paulo (Sinproquim), organizador do evento, é de suma importância que a indústria esteja plena de conhecimentos técnicos ara atuar de forma mais eficiente possível no mercado nacional e internacional. “Esse tipo de discussão que trazemos para os empresários tem por objetivo contribuir para o fortalecimento desse importante segmento da economia”, completa Reis.

Serviço: Palestra “Produtos Químicos e GHS” Atendimento das Legislações (MTE-NR 26 e ABNT-NBR 14725)

Data: 27/03/2014

Horário: 9h

Local: Sede Sinproquim

Rua Rodrigo Cláudio, 185, Aclimação, São Paulo-SP

Informações e inscrições: sinproquim@sinproquim.org.br ou pelo telefone: (11) 3287 0455

 




VEJA MAIS SOBRE Economia


Ex-cortadora de cana ensina em 5 passos como faturar o primeiro milhão em 2017!

4

A cada ano que passa o e-commerce ganha mais relevância e autonomia no cenário brasileiro. E claro que com isso o número de empreendedores aumenta, pois o comércio eletrônico oferece a comodidade e facilidade que nenhuma loja física ainda consegue oferecer. Nasce todos os dias pelo menos um e-commerce, independente do setor de atuação.  Apesar […]

Leia mais

5 dicas para o seu décimo terceiro salário render!

1

Com o fim do ano chegando, muitas pessoas não veem a hora de receber o tão aguardado décimo terceiro salário e ter dinheiro extra para as compras de Natal, viagens, pagar contas atrasadas ou até realizar um investimento. Mas, qual é a melhor estratégia para planejar o orçamento financeiro nessa época do ano? Para sanar […]

Leia mais

Regulamentação da gorjeta em bares, restaurantes, hotéis e motéis é aprovada!

_e5b6286

Quem é mão fechada não vai gostar nenhum um pouco dessa notícia. A Comissão de Assuntos Sociais do Senado aprovou hoje (30) projeto de lei que regulamenta a gorjeta, valor pago por clientes a garçons, camareiros e outros profissionais em bares, restaurantes, hotéis, motéis e estabelecimentos similares. Pelo projeto aprovado, a gorjeta não se restringe […]

Leia mais

Mais da metade das famílias brasileiras estão endividadas!

cartoes-de-credito-blog-michel-telles

  Socorro meu pai. Pasmem: mais da metade das famílias brasileiras — 57,3% — estão endividadas. É o que aponta a pesquisa de novembro da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC). Onde vamos parar, hein?. Desde julho de 2012, o país não chegava a esse patamar. E quem é o grande […]

Leia mais

Abílio Diniz dispara: Previsões para o desempenho da economia brasileira são muito ruins!

3

O poderoso empresário Abílio Diniz afirmou nesta segunda-feira, 21, durante a 45ª reunião do Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social, o Conselhão, que as previsões para o desempenho da economia brasileira são muito ruins e que não imagina que o País crescerá em 2017. “A previsão é muito ruim. Não podemos imaginar que vamos chegar […]

Leia mais

FAÇA ESTE BLOG SER AINDA MELHOR, ESCREVA O SEU COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *