Dia dos Finados: você realmente se despediu de quem se foi? Psicólogo fala das fases do luto e a importância de superá-lo!

2O sentimento de perda nunca é algo fácil. Desde perder um emprego, um animal de estimação até as pessoas amadas, a sensação deixada é sempre a de uma dor que parece que não vai sarar, – mas é aí que você se engana: essa dor vai passar e transformar-se em algo diferente, na saudade.

João Alexandre Borba, psicólogo e coach, lembra que, ao perder alguém, é mais do que saudável chorar e sentir-se triste pelo acontecimento. “Você precisa passar certo tempo sofrendo, é natural. Nessas horas, a pior coisa a se fazer é chegar para a pessoa que está em luto e dizer ‘não fica assim, não’. Como assim, não é para a pessoa ficar triste? Como ela deve se sentir nesse momento?”, exalta.

Nessas horas é preciso respeitar o momento em que a pessoa se encontra e deixar com que ela libere e se entregue à emoção que está sentindo no momento. “Todos sabem que esse é um momento difícil. Não é a toa que até os empregos muitas vezes liberam o profissional durante um ou dois dias para que ele tente colocar sua vida de volta nos eixos”, comenta Borba.

Nesses primeiros dias após a morte ocorre o que pode ser chamado de fase de negação, ou seja, a pessoa se recusa a acreditar no que aconteceu. “Quando um casal mora junto e um deles falece, é comum, nos primeiros dias, que aquele que está vivo ache que o outro irá aparecer a qualquer momento ou até mesmo esquecer-se de que ele morreu. É a negação da morte – e a esperança de que a pessoa volte”, explica Borba.

Depois da negação, vem a fase da raiva. A pessoa fica com raiva da situação e até da pessoa que se foi. “Como assim, ele(a) morreu e me deixou aqui nessa situação? Por que ele(a) foi tão egoísta comigo?”, comenta o especialista, que diz que essa é uma fase necessária, afinal, se a pessoa manter-se na negação para sempre, ela não sai do lugar –  e a fase da raiva lhe dá energias para tentar superar o acontecido.

Logo após vem a fase da negociação, a qual a pessoa negocia a despedida. “Frases como ‘perdi essa pessoa, mas a vida segue’ ou ‘a pessoa ia ficar feliz se me visse prosperando’, etc., são comuns nessa hora”, comenta Borba.

Só depois dessas fases é que vem a fase da tristeza real e legítima, que acontece quando a pessoa entende a perda e a aceita de alguma forma. “É quando cai a ficha. Nessa hora o sentimento de dor é maduro, e não de desespero. Porém, para chegar e superar esse estado, é preciso passar por todos os anteriores”, ressalta.

Depois da tristeza é a hora de começar a se reerguer e voltar a sua vida por inteiro – e não aos trancos e barrancos. É a hora de fazer as coisas voltarem aos trilhos. “Acho que o dia de finados é uma oportunidade de as pessoas pensarem se realmente se despediram daqueles que se foram ou ainda deixam com que o sentimento de dor tome conta das suas vidas”, diz Borba.

O psicólogo lembra que as saudades existirão para sempre, mas, ela deve existir com uma sensação de “leve tristeza”, e não de arrebatamento. “Se as saudades aparecem de um jeito avassalador é porque muito provavelmente o ciclo do luto não se fechou. Aproveite o dia para fazer isso: fechar o ciclo do luto e honrar a pessoa que se foi com amor, boas lembranças e emoções positivas”, conclui o especialista.

Serviço: João Alexandre Borba

Master Coach Trainer e Psicólogo




VEJA MAIS SOBRE Notícias


Bebe vinho e no dia seguinte fica com dor de cabeça? Resolva esse problema!

4

Você toma aquele vinho e mesmo sem ter exagerado acorda com dor de cabeça?  Já se questionou por que isso acontece? Segundo a Time, existe uma substância no vinho – a tiramina – que causa essas pontadas na cabeça devido à influência que esta tem na pressão arterial. O vinho, especialmente o tinto, contém ainda […]

Leia mais

Nokia lança câmera poderosa!

4

O novo mimo da Nokia é a Ozo, uma câmera 360 graus com jeito de nave alienígena. Com preço na casa dos US$ 45 mil (cerca de R$ 150 mil), o aparelho é destinado ao mercado profissional foi exibido durante o Slush, feira de inovação e tecnologia realizada em Helsinque, na Finlândia. A Ozo parece um olho […]

Leia mais

Confira as 8 tendências do setor digital para 2017!

marketing-digital-2017-blog-michel-telles

Aproximadamente 94% das empresas mantiveram ou aumentaram o investimento no Marketing Digital em 2016. Isso é reflexo do aumento no número de visitantes aos sites e e-commerces, sem falar na crescente onda de engajamento que as redes sociais proporcionam aos internautas. “O digital não se restringe apenas às redes sociais, tudo que engloba nosso mundo […]

Leia mais

Cimento e concreto é a nova tendência no universo da decoração!

6

Acabamentos em cimento e concreto vêm conquistando cada vez mais espaço no universo da decoração. Revestimentos 3D, móveis feitos com o material, acabamentos de paredes e pisos em cimento queimado, entre outras possibilidades, vêm se destacando como tendência contemporânea.   A proprietária da Guaraúna – empresa especializada na venda de revestimentos cimentícios e madeiras de […]

Leia mais

Chega em São Paulo um app de táxi exclusivo para mulheres!

Business woman traveling by yellow taxi in city

Quem vai amar essa notícia são os marmanjos ciumentos! Chega em São Paulo um aplicativo de táxi exclusivo para as mulheres. O FemiTaxi, tem uma frota composta apenas por motoristas do sexo feminino, e que nasce com intuito de ser uma alternativa para as usuárias de táxi na capital paulista. De acordo com Charles-Henry Calfat […]

Leia mais

FAÇA ESTE BLOG SER AINDA MELHOR, ESCREVA O SEU COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *