Ambev é uma das empresas mais admiradas do Brasil, segundo a revista Carta Capital!

topO prêmio “As Empresas Mais Admiradas no Brasil”, divulgado pela revista Carta Capital nessa segunda-feira (10), na capital paulista, destaca a Ambev entre as melhores do País. A companhia ficou em primeiro lugar no setor de bens de consumo não duráveis e na sexta posição no ranking geral.

O investimento recorde da Ambev no Brasil no último ano, atingindo R$ 2,8 bilhões aplicados na ampliação da capacidade de produção, logística, vendas, novas tecnologias, inovações e capacitação de pessoas, foi um dos principais destaques. Além disso, as ações da companhia valorizaram 19,19% nos nove primeiros meses deste ano, o que fez a Ambev atingir o valor de mercado de US$ 103,2 bilhões – a maior empresa negociada em Bolsa de Valores na América Latina, segundo a consultoria Economática.

“Conquistar o primeiro lugar no prêmio da Carta Capital nos dá grande satisfação. Há dois anos figurávamos na 6º posição e agora chegamos ao topo no ranking do setor. Essa mudança indica que estamos no caminho certo, na direção do crescimento contínuo, sustentável e responsável de nosso negócio”, afirma Ricardo Rolim, diretor de relações institucionais, sustentabilidade e comunicação da Ambev.

A “receita do sucesso” da Ambev de perseguir modelos de gestão baseados na meritocracia, no estabelecimento de metas claras, na eficiência dos processos e na expansão para atender à crescente demanda também rendeu pontos à empresa. Entre os investimentos do ano, mereceu destaque a expansão da fábrica em Itapissuma (PE), que se tornou sua maior planta das regiões Norte e Nordeste – áreas estratégicas e de grande potencial de crescimento de consumo per capita. Além disso, a publicação enfatiza que a gestão hídrica é uma das prioridades da Ambev: de 2002 a 2013, o consumo de água diminuiu mais de 38% em suas unidades fabris e a meta para este ano é reduzir mais 6%.​

A premiação “As Empresas Mais Admiradas no Brasil” avaliou cerca de 1.200 cases de empresas. Os “votantes” de cada setor são os próprios stakeholders. Segundo a consultoria Officina Sophia, responsável pelo levantamento, foram entrevistados 1.200 executivos no Brasil.

 




VEJA MAIS SOBRE Economia


Ex-cortadora de cana ensina em 5 passos como faturar o primeiro milhão em 2017!

4

A cada ano que passa o e-commerce ganha mais relevância e autonomia no cenário brasileiro. E claro que com isso o número de empreendedores aumenta, pois o comércio eletrônico oferece a comodidade e facilidade que nenhuma loja física ainda consegue oferecer. Nasce todos os dias pelo menos um e-commerce, independente do setor de atuação.  Apesar […]

Leia mais

5 dicas para o seu décimo terceiro salário render!

1

Com o fim do ano chegando, muitas pessoas não veem a hora de receber o tão aguardado décimo terceiro salário e ter dinheiro extra para as compras de Natal, viagens, pagar contas atrasadas ou até realizar um investimento. Mas, qual é a melhor estratégia para planejar o orçamento financeiro nessa época do ano? Para sanar […]

Leia mais

Regulamentação da gorjeta em bares, restaurantes, hotéis e motéis é aprovada!

_e5b6286

Quem é mão fechada não vai gostar nenhum um pouco dessa notícia. A Comissão de Assuntos Sociais do Senado aprovou hoje (30) projeto de lei que regulamenta a gorjeta, valor pago por clientes a garçons, camareiros e outros profissionais em bares, restaurantes, hotéis, motéis e estabelecimentos similares. Pelo projeto aprovado, a gorjeta não se restringe […]

Leia mais

Mais da metade das famílias brasileiras estão endividadas!

cartoes-de-credito-blog-michel-telles

  Socorro meu pai. Pasmem: mais da metade das famílias brasileiras — 57,3% — estão endividadas. É o que aponta a pesquisa de novembro da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC). Onde vamos parar, hein?. Desde julho de 2012, o país não chegava a esse patamar. E quem é o grande […]

Leia mais

Abílio Diniz dispara: Previsões para o desempenho da economia brasileira são muito ruins!

3

O poderoso empresário Abílio Diniz afirmou nesta segunda-feira, 21, durante a 45ª reunião do Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social, o Conselhão, que as previsões para o desempenho da economia brasileira são muito ruins e que não imagina que o País crescerá em 2017. “A previsão é muito ruim. Não podemos imaginar que vamos chegar […]

Leia mais

FAÇA ESTE BLOG SER AINDA MELHOR, ESCREVA O SEU COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *